Sábado, Abril 13, 2024
Sábado, Abril 13, 2024

O Concerto para celebrar a Mulher e comemorar a Revolução de Abril “A Mulher é Uma Arma”

Esta é a frase que entoa e mostra que quando uma mulher quer, ela concretiza!

Dia 28 de fevereiro, foi dia de cantar no feminino, e de se cantar a liberdade, no Teatro Tivoli, em Lisboa, com a sala quase lotada.

Ana Bacalhau, Katia Guerreiro, Luana Cozetti, Patrícia Antunes, Patrícia Silveira, Rita Redshoes, Sofia Escobar e Viviane, subiram a palco, onde cada uma, com a sua identidade artística, cantou e deu o seu cunho a músicas que há cinquenta anos destacam abril e a sua revolução do dia 25.

_MG_6203

Ana Bacalhau, Katia Guerreiro, Luanda Cozetti, Patricia Antunes, Patricia Silveira, Rita Redshoes, Sofia Escobar e Viviane

O compositor, Renato Júnior, criou o espetáculo, acompanhou e dirigiu a banda.

_MG_6250

Um concerto com quase 2 horas e sem intervalo, teve momentos de silêncio e de gritos da liberdade. Imagens de abril de 1974 foram projetadas numa tela ao fundo do palco, e rostos do passado. “Mulher”, um poema de Ary dos Santos, foi declamado com voz-off da Simone.

_MG_6258

Para ancore, e todos em palco, a plateia ouviu, cantou a aplaudiu, “Cantiga é uma arma”.

Que bom cantar a liberdade em Liberdade, e ser Mulher em Liberdade!

Texto: Raquel Ataíde Gonçalves
Fotos: Jorge Torres Carmona

_MG_6175
RELATED ARTICLES

Mais Recente

error: Content is protected !!