O Sol da Caparica Regressa de 16 a 19 de Agosto 2018


A Costa de Caparica é única, e é para todos. O “Sol da Caparica” também. De facto, o “Sol” é o festival de música e cultura da Cidade com a praia mais icónica do País – com vistas de mar incomparáveis, natureza excepcio- nal e protegida, e pessoas acolhedoras – aqui, no coração da área metropo
litana de Lisboa, perto de tudo e de todos.

No “Sol” celebra-se o mar, a praia, a música, o convívio com  os amigos, os dias  longos e as noites quentes.

No “Sol” somos uma  grande família, com  avós,  pais,  e filhos que  no fim do dia arranca do areal e vai continuar a alegria do estar junto por um espaço cada vez melhor, mais acessível, mais confortável.

A Costa de Caparica (como dizem  os  Caparicanos) merece um festival como este “Sol” porque é uma  Cidade  com  condições extraordinárias para o turismo e com  grande qualidade de  vida para os  seus residentes, e que beneficia deste momento alto de animação no curso de um ano  que pode e deve ser aproveitado em permanência.

Afinal a Costa de Caparica é, já hoje, a capital nacional dos  desportos de ondas e do surf.  É a grande e longa  praia  onde  mais aficionados, amadores e aprendizes beneficiam em  continuo de uma  notável variedade de ondas, todos os dias  do ano.

No futuro  a Costa será também um novo  centro de desportos de natu- reza  e um exemplo de sustentabilidade ecológica, ambas enquadradas por uma  Cidade  e por um Município  que  vivem um renovado optimismo e uma dinâmica notável.

Mas  o Sol da Caparica é mais do que  tudo  um grande momento de música.

Por  todos estes motivos, o “Sol” deste ano  volta  a contar com  um  alinhamento artístico de grande qualidade, que conjuga novos valores com  os maiores ícones da música nacional. É um festival que, uma  vez mais,  exprime as muitas declinações da língua  portuguesa e conjuga todos os tempos e ritmos da  mescla cultural que  somos enquanto País,  e de que  Almada  é uma  montra perfeita.

O “Sol” da Caparica é mesmo para  todos.

A Costa de Caparica é para  todos, o ano inteiro.

 

Inês de Medeiros
Presidente da Câmara Municipal  de Almada