NOISERV LANÇA LIVRO “três-vezes-dez-elevado-a-oito-metros-por-segundo”

Segundo a Teoria da Relatividade de Albert Einstein, a velocidade da luz é a maior velocidade possível e é uma constante universal independente do movimento relativo entre a sua fonte e o observador. A velocidade de propagação da luz no vazio é de 299.792.458m/s, ou por extenso, “três-vezes-dez-elevado-a-oito-metros-por-segundo“.

É este o nome do primeiro livro do músico David Santos, mais conhecido pelo nome Noiserv.

Depois de um ano cheio de concertos de apresentação do seu mais recente disco “Uma Palavra Começada por N“, Noiserv surpreende neste final de ano com a sua primeira edição literária.

À semelhança do que já nos habituou na sua música, o livro transporta o leitor para um mundo de sonho sem nunca descurar uma visão sobre o mundo.

“três-vezes-dez-elevado-a-oito-metros-por-segundo” é uma história que se foca nos pormenores dos pormenores. Numa escrita meticulosa e metafórica, o autor reflete sobre a velocidade a que nos vemos e sobre a inevitabilidade de poucas vezes nos encontrarmos.

A edição fisica, idealizada em colaboração com o Estaminé Studio, guia a leitor numa experiência visual e criativa.

O livro é publicado a 23 de novembro e, nesse mesmo dia, é apresentado no Teatro Maria Matos em Lisboa pelas 19H00. Esta sessão de apresentação, conta com a presença do autor, Noiserv, e da atriz Isabel Abreu para uma apresentação especial de “três-vezes-dez-elevado-a-oito- metros-por-segundo“.
A entrada é livre, sujeita a lotação da sala.