E ao Segundo Dia Cantou-se em Francês e em Inglês no Meco!

Sexta-feira 19 de julho, segundo dia de Festival SBSR, um dia sem a enchente do primeiro, mas que não deixou de ser um dia grande de festival.

No recinto amplo, plano e arejado a movimentação entre palcos faz-se sentir sempre que foi hora de um novo concerto começar.

O festival é afluente de jovens mas é comum ver-se casais com os filhos e alguns estrangeiros. A dinâmica é interessante.

Para este dia a invasão francesa fez-se sentir em dois dos palcos e foram quatro os nomes, PHOENIX e CHRISTINE AND THE QUEENS no Palco Super Bock; CHARLOTTE GAINSBOURG e FKJ no Palco EDP.

CHRISTINE AND THE QUEENS é polivalente e foi notória a sua presença em palco, além de cantar a dança esteve presente e toda ela é movimento e representação, de salientar que não se fez sentir cansaço na voz.

Os PHOENIX no topo do cartaz levaram energia que foi sentida entusiasticamente pelo público e em palco a banda recebeu esse entusiasmo e que Thomas Mars fez questão de agradecer por serem tantos a assistir.

Um dia diversificado para agradar a vários gostos e tendências e é isto de que se faz um festival.

Mas um festival já não é festival se não tiver parque de campismo junto ao recinto, este é só descer e já se está na entrada. Marcado por lotes de cores as tendas distribuem-se e na “zona comercial” não falta onde comer e comprar como por exemplo pão, sumo natural de laranja, gelados e até tem um supermercado. A zona de banhos é ampla e comum situado na parte mais alta, nas horas de calor existe quem lá vá refrescar-se. Ainda em hora de calor, as sombras das árvores estão ocupadas com os colchoes e a soneca é imperdível, é que a noite foi até às tantas.

Texto: Raquel Ataíde
Fotos: Jorge Torres Carmona

Flickr Album Gallery Pro Powered By: wpfrank